Algumas ferramentas simples, porém eficazes, podem nos dar pistas valiosas sobre nossa saúde e um exemplo é o IMC – Índice de Massa Corporal. Criado pelo matemático Lambert Quételet no século 19, o resultado deste cálculo pode apontar o peso normal, mas ao contrário, a obesidade e até mesmo a magreza, em diferentes níveis. Muito mais do que uma maneira de definir padrões estéticos, o IMC é o indicador adotado pela OMS (Organização Mundial de Saúde) e pode ser facilmente calculado a partir de dois simples dados: peso e altura. A fórmula é simples:

Como calcular o IMC

IMC = peso (em quilos) ÷ altura² (em metros). Divida o seu peso pela sua altura multiplicada por 2 e você saberá qual é o seu IMC.

Tabela de IMC

O IMC considerado normal precisa estar entre 18,50 e 24,99 kg/m². Veja outros valores abaixo:

  • Baixo peso muito grave: abaixo de 16
  • Baixo peso grave: entre 16 e 16,99 
  • Baixo peso: entre 17 e 18,49
  • Peso normal: entre 18,50 e 24,99 
  • Sobrepeso: entre 25 e 29,99
  • Obesidade grau I:entre 30 e 34,99
  • Obesidade grau II: entre 35 e 39,99
  • Obesidade grau III: maior que 40

Entretanto, este valor por si só, muitas vezes não é capaz de avaliar o peso ideal e a saúde de alguém. Outros fatores precisam ser levados em conta, como o sexo, a idade, a etnia e o próprio estilo de vida. Afinal, uma criança, um idoso e um atleta precisarão ter cálculos e referências diferentes e indivíduos de origem asiática com um IMC acima de 23 já são considerados acima do peso. 

Em outras palavras, a medida de IMC pode nem sempre representar a realidade. Vamos dar um exemplo prático? O músculo é muito mais pesado que a gordura, o que significa que um halterofilista terá um IMC muito alto, mas isso não significa que ele é obeso, já que a maior parte de sua massa corporal é formada por músculos. 

Como calcular o IMC infantil?

Assim como nos adultos, as faixas de IMC para as crianças mudam de acordo com a idade e o sexo, e para orientar pais e médicos a OMS acabou criando uma tabela. Neste caso, não basta apenas aplicar a fórmula, mas também encontrar o número de IMC da criança em um gráfico, de 1 a 5 anos ou de 5 a 15 anos. A partir do momento que você encontrar uma região do gráfico em que os traços se cruzam, o número indicado ao lado irá revelar se seu filho está no peso ideal ou não.

Como calcular o IMC em idosos?

Quando a idade chega, as pessoas costumam perder músculos e ganhar tecido adiposo, o que pode causar uma certa confusão no cálculo do IMC, dando falsos resultados. Portanto, o cálculo do IMC é exatamente igual, mas os resultados são diferentes em pessoas com mais de 60 anos: 

  • Baixo peso: menos de 22
  • Peso normal: entre 22 e 27
  • Obesidade: acima de 27

Outros fatores a levar em conta

O IMC não leva em consideração a composição corporal das pessoas. Este é o caso de quem é muito magro, mas possui muito músculo e acaba tendo um índice mais elevado, o que não significa que está acima do peso e, menos ainda, sem saúde. Esta, no entanto, é a situação de menos de 1% das pessoas, como explica Naveed Sattar – do Instituto de Ciências Médicas e Cardiovasculares da Universidade de Glasgow, na Escócia.

Para melhores resultados, o ideal é também calcular a medida da circunferência da cintura e fazer outros exames mais específicos. Vale ressaltar que, para a medicina, o conceito de peso normal não é uma questão de estética ou padrões culturais, mas está associado a um aumento do risco de desenvolver doenças.

BR-NON-00487 PRODUZIDO EM NOVEMBRO/2020

Você Sabia?

Você é o que você come!

Sabemos que os alimentos são um bem essencial à vida, mas o que você escolhe pôr no prato na hora da refeição é determinante do estado da sua saúde. Todos os alimentos são importantes e contêm nutrientes fundamentais para nosso metabolismo, por isso é fundamental manter uma alimentação diferenciada e balanceada, garantindo a ingestão dos vários componentes que permitem esse equilíbrio.

O que você escolhe pôr no prato na hora da refeição é determinante do estado da sua saúde.
prato-de-salmão

Já conhece os nossos livros de receitas?

Clique e veja aqui
É possível comer bem e de forma saudável! Baixe nossos LIVROS DE RECEITAS e descubra pratos deliciosos que irão favorecer a sua saúde.