5 exercícios de baixo impacto que não sobrecarregam as articulações

O importante é escolher o tipo de exercício físico mais adequado para a sua condição

Muitas pessoas deixam de praticar exercícios físicos regularmente por causa de algum problema nas articulações. Porém, mesmo para essas pessoas, praticar alguma atividade física, desde que acompanhada por um profissional de educação física e um médico, pode trazer muitos benefícios. O importante é escolher o tipo de exercício físico mais adequado para a sua condição. Confira, abaixo, alguns exercícios de baixo impacto que podem ser opções mais seguras, e não se esqueça de que é importante sempre consultar o seu médico antes de começar qualquer uma delas.

  • Ciclismo: tanto em casa ou na academia, com bicicletas ergométricas (indoor), como nas ruas, com bicicletas de verdade (outdoor), pedalar é uma atividade prazerosa e de baixo impacto, que tem risco reduzido de lesões e mínimo estresse articular. É possível queimar entre 400 e 600 kcal por hora, dependendo da intensidade da pedalada e da condição física de quem a pratica.
  • Remo: remar fortalece os braços, as pernas e o núcleo do corpo, melhorando a força lombar e a postura. Mesmo que você não possa praticar essa modalidade de exercícios na água, você pode usar aparelhos que reproduzem os movimentos. É possível queimar até 500 kcal por hora. 
  • Power ioga: essa é uma modalidade de ioga na qual realizam-se movimentos rítmicos e interligados, sincronizados com a respiração. Por manter cada posição pelo intervalo de apenas algumas respirações, é possível trabalhar vários músculos e manter a frequência cardíaca elevada, durante toda a aula, queimando cerca de 300 kcal por hora, enquanto a flexibilidade, a força corporal e o equilíbrio são melhorados. 
  • Aparelho elíptico: esse aparelho oferece os benefícios da corrida, mas sem o seu impacto. Além das pernas e dos glúteos, o aparelho possibilita também fortalecer os braços, os ombros e os músculos superiores das costas, com pouquíssimo impacto sobre as articulações. É possível queimar de 300 a 500 kcal por hora com esse aparelho. 
  • Natação: além de ser a estrela dos exercícios de baixo impacto, a natação fortalece os músculos, melhora a composição corporal e ajuda a perder peso. Segundo um estudo que comparou os benefícios da natação com os da caminhada em mulheres sedentárias, as participantes que praticaram a natação perderam mais peso, diminuíram mais centímetros no quadril e na cintura e alcançaram níveis melhores de colesterol do que as que caminharam.

 

CORP-1162377-0022 PRODUZIDO EM MAIO/2017 VÁLIDO POR 2 ANOS